Carlos Morais

 
 

Matematicamente pensando: Os vetores na sociedade

A designação de vetor é frequentemente utilizada no dia-a-dia em diversos contextos e situações, pois é fácil encontrar frases como: um dos vetores de desenvolvimento do país é o turismo, o vetor essencial para a credibilidade dos políticos é acabarem com a corrupção, os principais vetores em que é necessário apostar são a saúde, a educação e a economia.

Matematicamente pensando: Do litoral para o interior

É sempre possível olhar para Portugal a partir de várias perspetivas, existindo perspetivas para todos os gostos, dependendo geralmente do contexto e do observador. Dessas perspetivas saliento a que permite considerar o país dividido em interior e litoral. Sabemos que não existe uma definição clara de interior e de litoral e muito menos uma fronteira vincada entre as duas partes, no entanto podemos considerar como litoral a parte do país próxima da costa, à beira mar, e o interior a parte do país para além da faixa litoral e, consequentemente, afastada do mar.

Matematicamente pensando: Praxes académicas

 
Muito se tem falado das praxes académicas e, consequentemente, das várias realizações e eventos que lhe estão associados. A noção de praxe académica é apresentada no dicionário, infopédia, http://www.infopedia.pt, como “costumes e convenções baseados numa relação hierárquica e usados por estudantes mais velhos de uma instituição do ensino superior, de forma a permitir a integração dos mais novos no meio académico”.

Matematicamente pensando: Aprender com os outros

 
A construção do conhecimento deve ter lugar nos diversos contextos onde o ser humano se movimenta.
O conhecimento constrói-se não só a partir do esforço individual de cada pessoa, mas também conjugando o esforço e os interesses individuais com o esforço e os interesses coletivos.

Matematicamente pensando: Erro e vizinhança

Falar de erro e de vizinhança parece tratar-se de dois conceitos aparentemente pouco relacionados, mas é possível analisá-los com sentidos idênticos. Cada conceito admite significados distintos consoante o contexto onde é utilizado. Mas, um bom princípio para começar a compreender um dado conceito é procurar o seu significado num dicionário de língua portuguesa.

Matematicamente pensando: Indicadores positivos

Há sempre várias formas de ver o mundo. Uns veem problemas em tudo, ou quase tudo, e outros veem tudo sem problemas. Penso que nem uns, nem outros estão certos, embora admita que ver o mundo de uma forma positiva e a acreditar no futuro, obriga-nos a ter uma posição perante a vida que conduz a resultados mais favoráveis do que o contrário.

Matematicamente pensando: Ideias em tempo de crise

Vivemos mais uma vez dias de alguma indefinição relativamente ao futuro coletivo. Estas situações são cíclicas, tornando-se mais frequentes quando as dificuldades sociais e económicas do país aumentam. Assim, em Portugal fluem um conjunto de ideias, principalmente em torno de quem nos governa ou nos pode vir a governar, que sem poderem ser minimizadas ou ignoradas, devem ser pensadas e questionadas, com a pergunta que me parece completamente fácil de entender e muito difícil de lhe dar resposta.

Matematicamente pensando: Casas e famílias

Ter uma casa para viver é uma meta para cada núcleo familiar, independentemente do número de pessoas que o constitui. Considerando “casa” como qualquer edifício destinado à habitação, o bem-estar de cada pessoa é influenciado pelas caraterísticas da casa que habita. No entanto, o equilíbrio entre as casas necessárias para uma certa comunidade e aquelas que existem disponíveis constitui uma equação de difícil resolução.

Matematicamente pensando: Emprego

Nas sociedades atuais o emprego ou a sua falta determinam o modo de viver das pessoas, considerando que tem emprego quem tem uma ocupação remunerada, com remuneração igual ou superior ao ordenado mínimo definido por cada país, onde essa lei exista. Neste sentido estar empregado deve implicar ter condições económicas para pode viver sem sobressaltos e com dignidade as várias dimensões da vida.