Deixem-se de fitas...

Ao longo do ano são vários os eventos de cariz recreativo e desportivo um pouco por todo o distrito, alguns deles organizados por entidades de grande responsabilidade, como autarquias. O problema são as fitas que ficam por recolher. Esta, à semelhança de outras do género, faz perdurar a memória do passeio de BTT que passou por Grandais, entre Bragança e Vinhais. Dizem ao Zé que está lá desde maio. O Zé não quer acreditar. Vá lá, deixem-se de fitas...

 

Edição
3598