Nordeste Transmontano

Enfermeiros julgados por peculato e falsificação de documentos

Publicado por Glória Lopes em Ter, 2015-04-21 12:06

Três enfermeiros de Macedo de Cavaleiros começaram a ser julgados esta terça-feira no Tribunal de Bragança acusados de dois crimes continuados de falsificação de documentos e outros dois crimes de peculato, num processo relacionado com horas extraordinárias que eram debitadas, mas não chegavam a ser cumpridas.
Entre os arguidos está um casal, que receberia dinheiro por trabalho suplementar que não cumpria.

Tags