// Nordeste Transmontano

Militares do GIPS já começaram a chegar para a Força de Ataque Ampliado de Mirandela

Publicado por Fernando Pires em Qui, 2018-06-14 09:45

Já chegaram a Mirandela, no início da semana passada, 50 dos 76 militares que vão fazer parte da Unidade de Ataque Ampliado do GIPS - Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro – que vai ter a sua intervenção ao nível da região Norte, e que vão ficar instalados na residência do Centro de Formação Profissional, da Quinta do Valongo.
A criação destas unidades de ataque ampliado foi confirmada a 16 de abril, na reunião da Comissão Nacional de Proteção Civil, que aprovou a Diretiva Operacional Nacional que estabeleceu o dispositivo de combate a incêndios para 2018.