Desporto // Camadas jovens

Dérbi brigantino terminou mais cedo

AGR em Qua, 06/12/2017 - 16:32

Um dérbi quente, como todos os dérbis, mas que terminou lavado em lágrimas, pelo menos para os jovens jogadores do Mãe d’Água que, no sábado, abandonaram o jogo com o Bragança, de infantis, a um minuto do final.

A decisão foi do próprio presidente do clube, António Parente, discordando com a arbitragem de André Vicente, quando faltava menos de um minuto para o final de um encontro que seguia empatado a uma bola.

Na origem do protesto esteve um lance que acabou com a bola dentro da baliza do Mãe d’Água.
 
(Artigo completo disponível para assinantes ou na edição impressa)