Atual // Nordeste Transmontano

Escolha de secretariado pode gerar impasse na Comunidade Intermunicipal

AGR em Qui, 16/11/2017 - 09:52

A reunião de hoje da Comunidade Intermunicipal Terras de Trás-os-Montes (a primeira após as eleições autárquicas) vai servir para a escolha do novo presidente e do secretariado executivo, mas pode terminar num impasse.
Se, quanto ao presidente, não há grandes dúvidas que será Artur Nunes (tal como o Mensageiro adiantou em primeira mão), que começou um terceiro mandato em Miranda do Douro, a escolha do secretariado não deverá ser tão pacífica.
No seio dos autarcas do Partido Socialista (sete dos nove que compõe o Conselho Consultivo) são três os nomes falados. Por um lado, Carla Alves, de Vinhais, habituada a lidar com processos de candidaturas a fundos comunitários em virtude do seu trabalho na Ancsub (a associação de criadores de suínos de raça bísara). Por outro, Luís Filipe Fernandes, autarca socialista da vila de Izeda e docente no Instituto Politécnico de Bragança, para além do de Rita Messias, de Mirandela, empresária ligada à área da formação