Nordeste Transmontano

Está a aumentar o número de mulheres que preferem ter filhos fora da região

Publicado por Glória Lopes em Qui, 2019-01-10 09:30

Há uma diferença assinalável entre o número total de nascimentos do bloco de partos do Hospital de Bragança, informação facultada pela Unidade Local de Saúde do Nordeste (ULSN), cifrados num total de 459 no ano de 2018, e os Dados do Programa Nacional de Diagnóstico Precoce, coordenado pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge através do teste do pezinho, que indicam que até ao final de novembro nasceram 550 bebés no distrito. Esta discrepância no número de nascimentos pode indicar que muitas mulheres preferem deslocar-se a unidades hospitalares de fora da região para ter os filhos, nomeadamente ao hospital de Vila Real. Esta é, pelo menos a convição dos autarca