Atual // Greve Geral

Greve encerrou vários serviços no distrito (atualizada)

Glória Lopes em Qui, 27/06/2013 - 11:22

Repartições de Finanças encerradas em Bragança e Vimioso. Paços do Concelho de Torre de Moncorvo também de portas fechadas. Serviços de saúde encerrados ou a meio gás. É este o cenário da greve geral no distrito nesta manhã de quinta-feira, 27 de junho.
As repartições de Finanças de Bragança e Vimioso estão esta quinta-feira encerradas ao público em consequência da greve geral marcada para hoje, o que deixou vários contribuintes sem resolver os seus assuntos pois depararam-se com a porta fechada e uma viso de encerramento por motivos de greve. Já na repartição de Finanças de Torre de Moncorvo a adesão foi de 40% e em Miranda do Douro chegou aos 33%.
Encerrada está também a secção administrativa da câmara de Alfândega da Fé.
Segundo os dados facultados ao Mensageiro pela União de Sindicatos de Bragança também o bar e a cantina do Centro de Formação Profissional de Bragança estão encerrados por falta de funcionários, uma vez que todos aderiram à greve. Tal como a Conservatória do Registo Predial de Bragança. No serviços do Ministério Público, do Tribunal de Bragança, esta manhã apenas se encontrava ao serviço uma funcionária. Os Paços do Concelho de Torre de Moncorvo estão encerrados. Os armazéns da Câmara de Mirandela também encerraram e nas oficinas, no sector de obras e no sector de Águas a adesão é de 83%. Na Padaria Serra Lopes, em Mirandela, a adesão também chegou aos 100%. Na câmara de Bragança a adesão à greve levou à interrupção dos autocarros em duas linhas rurais.

Tags: