Atual // Bragança

IPSS acusam Segurança Social de excesso de zelo nas multas

AGR em Qui, 20/07/2017 - 09:54

O presidente da Santa Casa da Misericórdia de Bragança e Tesoureiro da Confederação Nacional das IPSS acusa a Segurança Social de “excesso de zelo” na vigilância às instituições particulares de solidariedade social, provocando multas que estão a “asfixiar financeiramente” algumas delas.
“Aplicam coimas por tudo e por nada. Há excesso de zelo. Entendemos que os quadros das IPSS estão desajustados e sobredimensionados. Dentro da mesma área funcional são exigidas categorias diferentes, o que não faz muito sentido”, sublinhou, ao Mensageiro, Eleutério Alves, pedindo “maior flexibilidade”.