Atual // Macedo de Cavaleiros

Mulheres Social-democratas vão criar academia de formação política

Glória Lopes em Qui, 04/10/2018 - 17:57

Mais militantes do sexo feminino na política é o que pretendem as Mulheres Social-Democratas, que vai criar uma academia de formação política, a lançar no dia 26 de outubro, para percorrer o país e as distritais "e começar a formar", adiantou Lina Lopes, Coordenadora Nacional das Mulheres Social-Democratas (MSD), durante o II Encontro Conversas à Mesa com as Mulheres Sociais Democratas, no passado sábado em Macedo de Cavaleiros. "Ninguém nasce a saber ler e a escrever, então vamos formar mulheres para que não tenham problemas em assumir que podem chegar a determinados cargos", observou Lina Lopes, lamentado, ainda, que "as mulheres nunca funcionaram em grupo enquanto os homens sempre o fizeram".
 
O distrito de Bragança já tem nove núcleos concelhios deste movimento, estando em falta Carrazeda de Ansiães, Freixo de Espada à Cinta e Vimioso. "Aqui no distrito de Bragança estão de parabéns pelo um excelente trabalho", realçou Lina Lopes.
(Artigo completo disponível para assinantes ou na edição impressa)
 

Tags: