Atual // Carrazeda de Ansiães

“Obras de Santa Engrácia” abrem finalmente ao público

Eduardo Pinto em Sex, 30/08/2013 - 10:34

Abriram finalmente duas das já chamadas “obras de Santa Engrácia” em Carrazeda de Ansiães. O Centro Cívico, agora denominado Centro de Inovação Tecnológico Inovarural (CITICA), demorou mais de 12 anos e abriu no passado domingo. O Museu de Vilarinho tardou oito a ser concluído e está a funcionar desde sexta-feira.
Tanto num como noutro equipamento foram anos de problemas. O mais grave, no museu, foi o seu desabamento quando estava já com um ano de obras. As paredes de uma das alas do espaço não aquentaram com o peso da placa em betão e ruíram. No final de contas estão ali investidos cerca de 500 mil euros.
O atual presidente da Câmara, José Luís Correia, não quer abordar o passado, preferindo relevar “o louvor à memória do mundo rural” que o museu representa. No seu interior guarda diversas peças relacionadas com todos os ofícios e vivência das aldeias, muitas delas oferecidas por habitantes da região.
No entanto, “o museu não está concluído, deverá continuar a crescer e também privilegiará a componente multimédia”. Por isso, o autarca entende que é um local de “visita obrigatória” porque “é um livro aberto, um compêndio de princípios didáticos onde alguns ensinam e todos podem aprender”. O Museu Rural de Vilarinho da Castanheira vai passar a fazer parte dos roteiros turísticos do concelho, com os quais a Câmara pretende dinamizar a economia local.