Atual // Mirandela

Urgência médico-cirúrgica está livre de perigo

Fernando Pires em Qui, 19/01/2017 - 09:11

Já não são de agora os constantes rumores da possibilidade de despromoção do serviço de urgência do hospital de Mirandela, de médico-cirúrgica para básica.
Na sua passagem pela cidade do Tua, na sexta-feira, para inaugurar a requalificação do serviço de urgência que já ficou concluída no Verão passado, fruto de um investimento de 280 mil euros, o secretário de Estado da Saúde deixou a garantia: de que a UMC não corre risco de ser desclassificada. “A urgência médico-cirúrgica é para manter. Não há qualquer previsão, não há qualquer orientação em sentido contrário”, assegura Manuel Delgado.