Atual // Nordeste Transmontano

Vespa da galha do castanheiro identificada em três aldeias

AGR em Qui, 27/04/2017 - 17:52

Foram encontrados casulos de vespa da galha do castanheiro em pelo menos três aldeias do concelho de Bragança, Rabal, Rebordãos e Salsas.
Os primeiros sinais foram identificados no fim de semana e, na segunda-feira, Paulo Hermenegildo, produtor e Grão-Mestre da Confraria da Castanha, reportou a situação à Direção Regional de Agricultura e à Câmara Municipal.
“É uma situação que nos preocupa. Os produtores devem ver os seus soutos, retirar as galhasr e proceder à sua destruição pelo fogo”, explicou ao Mensageiro.
Manuel Cardoso, Diretor Regional de Agricultura e Pescas do Norte, confirma que já tinha havido um outro caso em Vinhais. “Em 2017, no distrito de Bragança apenas foi confirmado um foco de Vespa das galhas do castanheiro – Dryocosmus kuriphilus no concelho de Vinhais na freguesia de Penhas Juntas. O foco foi de imediato destruído pelo proprietário”, explicou, adiantando, ainda que “foram reportados quatro focos à DRAPN”, nas freguesias de Rebordãos, Salsas e Rabal. Os técnicos da DRAPN já foram aos locais “para confirmação dos eventuais focos, fazerem a avaliação da situação e darem indicações em conformidade”, acrescentou Manuel Cardoso.
Aos produtores, o diretor regional aconselha a destruição das galhas infetadas. “Nesta altura do ano, nos concelhos aonde não foi iniciada a luta biológica e/ou em plantações recentes, deve-se proceder de imediato ao corte das galhas, pequenas “bolinhas” de cor verde a evoluir para avermelhado, que aparecem ao longo dos ramos e nas folhas. Destrui-las urgentemente, pela queima ou enterrando. Nunca deixá-las no terreno”, frisa.
Atualmente, e de acordo com os dados atualizados a 19 de abril, a vespa das galhas do castanheiro já foi detetada em 286 freguesias. “Como se pode verificar, o Dryocosmus kuriphilus está instalado essencialmente na Região  de Entre Douro e Minho”, aponta Manuel Cardoso.
 
(Artigo completo disponível para assinantes ou na edição impressa)