Cultura // Bragança

Centro Graça Morais recebe primeira exposição individual em Portugal de Bernardí Roig

Glória Lopes em Ter, 25/03/2014 - 15:51

O Centro de Arte Contemporânea Graça Morais (CAC), em Bragança, foi o local escolhido pelo artista espanhol Bernardí Roig, um dos mais importantes do seu país, para realizar a sua primeira exposição individual em Portugal, inaugurada no passado Sábado. Trata-se de um conjunto de trabalhos em vários suportes e linguagens estéticas, como escultura, desenho e vídeo, a que o artista deu o nome de “Ensaio sobre a Cegueira” tomando assim de empréstimo o título de um dos mais aclamados livros do escritor português José Saramago. Muitas das esculturas são em tamanho natural, figuras brancas, humanas, quase sempre limitadas ao nível da visão ou cegas, uma cegueira contagiante e epidémica, tal como no romance homónimo de Saramago, pois são iluminadas por uma intensa luz branca, florescente, que obrigam quem as contempla a fechar ou semicerrar os olhos, ficando também momentaneamente sem ver.