De quando em vez

O Triangulo das Bermudas, um mistério ainda por desvendar
 
Nos tempos em que vivemos muitas vezes se fala em acidentes aéreos, mais, desconhece que por hora voam milhares de aviões em todo o mundo sem haver um único problema grave em termos de segurança.
Assim, dentro desta linha de raciocínio cumpreme-nos recordar um aspecto que de certo modo agitou no tempo um sector do Oceano Atlântico, ao largo da costa Sudoeste dos EUA, que, forma uma espécie de triangulo, tendo por vértice as Bermudas, o Sul da Florida, e as Bahamas - é o chamado «Triangulo das Bermudas» ou «Triangulo do Diabo», - que se tornou notável pela série de fenómenos inexplicáveis ocorridos dentro dessa área.
Mais: de 100 aviões e barcos desapareceram nessa zona desde 1945 até há uns tempos, e, mais de 1000 pessoas sem que desses desaparecimentos de aviões, barcos e vidas humanas, tenha ficado o mais insignificante rastro. De tudo isto, cumpre salientar, que, a maior parte dos aviões desaparecidos, eclipsaram-se durante períodos em mantiveram contactos normais das rádio ajudas, que dispunham, com as suas bases, ou com os aeroportos a que se destinavam.
Essa situação parece que começou muito antes de 1945, mas, já em Dezembro desse mesmo ano, desapareceram nessa zona 6 aviões e respectivas tripulações pertencentes á Força Aérea Americana.
Também durante aquele ano aconteceram vários desaparecimentos de aviões sem qualquer explicação e depois destes, muitos outros aconteceram até hoje, apesar dos variados investigadores destes fenómenos terem aventurado as mais variadas hipóteses: actuação dos Discos Voadores, OVNIS, ou duma força desconhecida de atracão, e, ou a entrada de uma outra dimensão.
Finalmente, poderíamos exemplificar, com dados concretos ao longo de todos estes anos um estendal de aeronaves que desapareceram no «Triangulo das Bermudas».
Qual a explicação destes acontecimentos? Certamente o futuro se encarregará de nos dar a resposta. Até lá ainda não se sabe qual a razão de tudo isto, cuidado com os voos sobre o «Triangulo das Bermudas».