Atual // Nordeste Transmontano

Três incêndios consumiram 4478 hectares de mato e floresta em Moncorvo

Glória Lopes em Qui, 10/08/2017 - 09:32

Os incêndios que deflagraram este ano no concelho de Torre de Moncorvo foram dos que mais área ardida deixaram no distrito de Bragança e no país, figurando entre os piores casos a nível nacional. 
Segundo o relatório provisório do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), que contabiliza os dados dos incêndios florestais entre 1 de janeiro e 31 de julho, no concelho de Torre de Moncorvo deflagraram três fogos que resultaram em 4478 hectares de área ardida