//Investigação

CIMO quer ser referência internacional com Laboratório Ibérico dos Alimentos

Publicado por Glória Lopes em Qui, 2020-11-19 09:50

O CIMO-Centro de Investigação da Montanha, localizado em Bragança, é um dos parceiros do Laboratório Ibérico dos Alimentos, um projeto-piloto que agrega entidades portuguesas e espanholas e que se pretende venha a ser uma referência internacional. “É uma ideia na qual vimos trabalhando há muito tempo e que envolve vários parceiros, como a Universidade de Vigo, com quem temos uma parceria muito estruturada nesta área do agroalimentar. Tendo em conta que temos aqui um setor de empresas de ambos os lados da fronteira, muito desenvolvido nas indústrias alimentares, que precisam de se modernizar e inovar. O que se pretende é que o Laboratório venha a ser uma referência”, explicou o presidente do Instituto Politécnico de Bragança (IPB), Orlando Rodrigues.
O Laboratório Ibérico dos Alimentos (LIA) vai assentar em centros de investigação portugueses e espanhóis como o Centro de investigação e Biociência da Universidade de Vigo já em funcionamento, “com resultados muito relevantes”, realçou Lilian Barros, investigadora do CIMO, durante a apresentação do projeto na passada sexta-feira.
Presente na apresentação esteve a secretária de Estado da Valorização do Interior, Isabel Ferreira, que espera que a iniciativa seja alargada a todo o Norte de Portugal e região da Galiza, abrangendo Castela e Leão “porque são regiões de referência na investigação e na ciência agroalimentar que, cada vez mais, está na ordem do dia pela importância que tem toda a dinâmica de garantir a disponibilidade de alimentos para todo o mundo, mas também na Europa esta dicotomia de garantir os mercados internacionais, mas também cadeias curtas de abastecimento”.