Fervença poluído

Continua a saga do rio fervença, que atravessa Bragança. Nos últimos dias foi notória a degradação da água que, para além da cor acastanhada, apresentava, também, “um cheiro nauseabundo”, segundo algumas testemunhas que têm passado pelo local.
Uma saga que se vem arrastando há anos e sem fim à vista num dos ex-libris da cidade de Bragança.

Edição
3799