Bragança

Covid-19: caso positivo de trabalhador da Faurecia levou empresa a tomar novas medidas

Publicado por AGR em Ter, 2020-07-14 18:16

Um dos jovens estudantes africanos de Bragança que testou positivo no passado fim de semana era trabalhador da Faurecia, pelo que a empresa decidiu realizar testes aos funcionários que estiveram em contacto com ele.

De acordo com um documento interno, a que o Mensageiro teve acesso, o jovem trabalhava no turno da noite aos fins de semana. O último dia em que esteve nas instalações da unidade fabril em Bragança foi no dia 05 de julho.

De acordo com o mesmo documento, o trabalhador admite ter mantido contacto com um colega depois dessa data e fora das instalações da empresa.

“De salientar ainda que, durante a permanência na fábrica, o colega respeitou todas as regras do nosso protocolo de segurança. Não obstante, contactámos as autoridades de segurança sanitária (DGS e Delegada Regional de Saúde), que nos asseguraram que o cumprimento do protocolo de segurança vigente é bastante robusto, não havendo necessidade de realizar testes de rastreio nos colaboradores”, lê-se no documento da equipa de direção enviado a todos os colaboradores esta segunda-feira.

Ainda assim, ontem a Faurecia decidiu efetuar um rastreio a todos os colegas que contactaram com o colaborador naquele fim de semana.

O Mensageiro já tentou contactar os responsáveis da fábrica de Bragança mas, até ao momento, ainda não houve resposta.