Bragança

Covid-19: trabalhadores da Faurecia satisfeitos com medidas de controlo implementadas mas apreensivos pelo teste positivo de um colega

Publicado por AGR em Qua, 2020-07-15 10:58

Os trabalhadores da Faurecia de Bragança estão satisfeitos com as medidas de controlo de pandemia implementadas pela empresa mas admitem que “falta informação” e que estão “apreensivos” com o positivo de um colega que faz fins de semana.

Quem o diz é Rui Pereira, delegado sindical. Em declarações ao Mensageiro de Bragança, este representante sindical explica que “é medida a febre duas vezes por dia”, para além de haver “circuitos diferentes” de entradas e saídas de trabalhadores, que não se cruzam nas mudanças de turno. “Temos álcool gel à disposição. As medidas estão implementadas e bem implementadas. A empresa adotou as medidas necessárias, inclusivamente nas cantinas. Também fecharam os balneários, o que até causa constrangimentos aos trabalhadores”, explicou Rui Pereira que, no entanto, lamenta “a falta de mais informação”.

Apesar das medidas adotadas, admite que há alguma apreensão natural entre os trabalhadores, depois de um dos colaboradores de fim de semana ter testado positivo no dia 10, sendo que o último dia em que tinha estado nas instalações foi no dia 05. Entretanto, a empresa decidiu testar os trabalhadores da mesma equipa daquele que testou positivo.

“Descansados não estamos. Mas é como ir a um supermercado, não sabemos com quem nos cruzamos. A falta de informação não ajuda. A transparência ajudaria a amenizar a preocupação”, sustenta Rui Pereira.

A Faurecia tem cerca de 600 trabalhadores.

O Mensageiro contactou a empresa esta terça-feira mas, até ao momento, ainda não obteve resposta.