Torre de Moncorvo

GNR deteve dois homens, um por violência doméstica e outro por posse de armas ilegais

Publicado por Glória Lopes em Sex, 2019-06-14 12:27

A GNR deteve ontem em Torre de Moncorvo um homem, com 65 anos, por violência doméstica, suspeito de agredir e exercer coação física contra a sua mulher, da mesma idade, informou uma fonte do comando de Bragança.
Os militares da GNR deram cumprimento a dois mandados de busca e apreensão à residência e ao veículo do indivíduo, onde encontraram várias armas e munições, nomeadamente uma pistola, calibre 6.35mm, com o respetivo carregador; uma espingarda carabina, calibre 22; uma arma de ar comprimido, calibre 4.5mm; 50 munições de vários calibres; 47 cartuchos calibre 12; uma caixa de chumbos calibre 4,5mm e sete armadilhas de caça.
O detido, após ter sido persente ao Tribunal Judicial de Torre de Moncorvo, ficou sujeito à obrigação de não comparecer na residência onde reside a vítima, proibição de contactar por qualquer meio, proibição de se aproximar a menos de 300 metros da vítima.
O suspeito passa a ser controlado por pulseira electrónica e está proibido de adquirir ou utilizar quaisquer armas ou munições, bem como é obrigado de entregar as que possui no prazo de 10 dias.
A GNR deteve também em Torre de Moncorvo, mas na quarta-feira, outro homem, com 72 anos, pelo crime de posse ilegal de armas. Há um mês que a GNR desencadeava esta investigação após a prática de um crime de ameaça com recurso a arma de fogo, num desentendimento entre vizinhos. Quando os militares deram cumprimento a dois mandados de busca e apreensão em quatro residências e dois veículos, apreenderam de 551 munições de vários calibres; 24 petardos; três revólveres; um carregador de pistola; 1,5 quilos de chumbos para carregamento de cartuchos; três punhais e uma faca.