Mirandela

PSD acusa Júlia Rodrigues de ter conseguido uma “forma subtil” de parar o Metro

Publicado por Fernando Pires em Qui, 2019-06-13 09:47

O PSD de Mirandela considera ter sido errada a decisão do executivo da câmara, liderado por Júlia Rodrigues, de suspender provisoriamente, a circulação do Metro entre Mirandela e Cachão, desde dezembro do ano passado, com o argumento da realização de obras de requalificação naquele troço de 13 quilómetros, que tinha uma previsão de seis meses para a sua conclusão.
“O anúncio da suspensão é somente da responsabilidade do executivo camarário PS, instalado na câmara municipal de Mirandela”, diz agora o líder da concelhia do PSD de Mirandela.